Console de Recuperação do WINDOWS

O Console de Recuperação do Windows é utilizado e deve ser em situações onde seu sistema operacional não inicia mais, seja ele por modo normal ou por modo de

segurança, enfim, por nenhuma das opções disponíveis de inicialização. É um método de recuperação que deve ser utilizado por usuários avançados diante de necessitar identificação dos problemas e domínio dos comandos básicos utilizados pelo mesmo. Ao utilizá-lo é possível obter acesso aos volumes do sistema operacional sem ser necessário incialização da interface gráfica. Apesar de ser indicado a usuários avançados caso leia essas instruções acredito que já estará mais apto a utilizá-lo.

é possível : Copiar, renomear ou substituir arquivos e pastas do sistema operacional; Ativar ou desativar a inicialização de um serviço ou dispositivo da próxima vez que o computador for iniciado; Reparar o setor de inicialização do sistema de arquivos ou o Registro mestre de inicialização (MBR); Criar e formatar partições em unidades. 

Opções somente de acesso ou instalação:
O console pode tanto ser instalado e configurado para iniciar como uma opção de boot no seu sistema operacional, como também ser acessado via cd de instalação do WINDOWS. Acessando via cd, você terá que seguir estes passos:

– Configure o boot da sua máquina para iniciar pelo cd e insira o disco de instalção do WINDOWS XP. Na tela “Bem-Vindo a Instalação”, procure pela opção “R” para reparar seu sistema:

Ao digitar “R”, o sistema acessará o console exibindo quais partições estão instalados sistemas WINDOWS e qual você deseja reparar. Estas partições serão exibidas através de números (Exemplo: Partição C:\ = 1) e você deverá selecionar a correspondente (na maioria das vezes “1″) ao sistema e depois teclar [ENTER]. Algo similar a imagem abaixo:

Caso exista senha para o usuário Administrador, ela será solicitada. Depois destes passos, será exibido então :

QUOTE: C:\WINDOWS\

Outrossim, ao invés de fazer o boot no CD, pode-se instalar o console, siga os seguintes passos:

– Insira o cd do WINDOWS XP ;

– Abra o menu iniciar > Menu Executar > Digite então:

QUOTE: X:\i386\winnt32.exe /cmdcons

OBS:. Aonde “X:” é a letra que identifica a unidade de CD-ROM utilizada.

– O processo de instalação é rápido e simples, envolvendo poucos passos. Logo após isto seu computador ao reiniciar passará a ter uma opção a mais de boot como na tela abaixo:

Depois disso os passos para acesso são os mesmos do anterior.

Comandos de uso mais frequente no Console e funções:

Os comandos que podem ser utilizados na maioria envolvem manipulação de pastas e dados, listagem de drivers e serviços, reconfiguração da inicialização do WINDOWS. A maioria deles envolve também parâmetros, que são especificações a serem seguidas pelo comando.

MAP – Lista todos as letras de unidades com seus respectivos sistemas de arquivos e também os mapeamentos de dispositivos físicos presentes.

CD – Muito utilizado para caminhar pelos diretórios do disco.

QUOTE: cd nome_do_diretorio

Entra em uma pasta

QUOTE: CD ..

Sai da pasta atual. Lembre-se de respeitar o espaço entre o “D” e primeiro “.”(ponto).

BATCH – Utilizado para executar uma lista de comandos em um arquivo de texto, mas que sejam suportados pelo Console. Seria o mesmo que rodar um arquivo “.bat” mas que esteja em formato de texto (.txt).

QUOTE: batch comandos.txt

ATTRIB – Define atributos a arquivos e pastas do sistema como somente leitura, arquivo de sistema, oculto entre outros. Definir esses atributos permite deixar os arquivos visíveis ou não, além de ser possível proteger os arquivos do sistema operacional. Ao usá-lo, você deve definir um atibuto (+) ou remover (-).

Isso possibilita por exemplo, visualizar arquivos ocultos. Exemplo:

QUOTE: c:\ATTRIB -R -S -H *.*

Depois

QUOTE: c:\DIR

Atributos para arquivos e pastas
R : Atributo de arquivo somente leitura
S : Atributo de arquivo de sistema
H : Atributo de arquivo oculto
C : Atributo de arquivo compactado

Parâmetros:
+ : Define um atributo
– : Redefine um atributo

BOOTCFG – Comando para recuperação e configuração da inicialização do sistema operacional. Exemplo de utilização:

QUOTE: C:\WINDOWS\bootcfg /rebuild

Parâmetros:
add: Adiciona uma instalação do Windows à lista do menu de inicialização. Se usado, pedi parâmetros como localização da instalação, argumentos (nome), e identificação númerica.
rebuild: Passa por todas as instalações do Windows para que você possa especificar quais instalações adicionar.
scan: Verifica todos os discos procurando por instalações do Windows e exibe o resultado para que você possa especificar quais instalações adicionar.
default: Define a entrada padrão de inicialização.
list: Lista as entradas já presentes na lista do menu de inicialização.
disableredirect: Desabilita o redirecionamento no carregador da inicialização.
redirect: Habilita o redirecionamento no carregador da inicialização, com a configuração especificada.

CHKDSK – Verifica, repara e recupera uma unidade com erros. É uma verificação que após as correções exibe um relatório do status da mesma.

Parâmetros:
/p : Verificação completa e correção dos erros na unidade.
/r : Localiza setores defeituosos e recupera informações legíveis.
COPY – Faz cópias de arquivos de uma origem para um destino.Sintaxe:

COTE: copy origem destino

 FIXBOOT – Utilitário que permite a criação de um novo setor de inicialização do WINDOWS. A sintaxe do comando pede que você indique o nome da unidade utilizada.Sintaxe:

QUOTE: FIXBOOT X:

FIXMBRRepara a MBR da partição responsável pela inicialização do sistema. MBR é o primeiro setor do HD e consequentemente o arranque de seu sistema. É o carregador do
boot do sistema operacional. Sintaxe:

QUOTE: FIXMBR nome do dispositivo

EXITComando utilizado para sair do Console de Recuperação. Ao executar, o computador é reiniciado.

HELP
Lista todos os comandos suportados pelo console.

Dúvida em algum comando
Digite o comando com o parâmetro abaixo e terá mais informações sobre todos.

QUOTE: [i]nome_do_comando /?

 

Problemas comuns e principais soluções:

>> Mensagem de erro em tela preta: Não foi possível iniciar o Windows porque o seguinte ficheiro não existe ou está danificado.

C:\Windows\system32\hal.dll.
Reinstale uma cópia do ficheiro acima.

Solução:
Esse problema ocorrerá por diversas causas, as soluções possíveis são essas:

– Método 1:Execute o Console e o respectivo comando:chkdsk /r;

– Método 2(Facultativo): Caso seu sistema de arquivos do Windows seja FAT, execute primeiramente FIXBOOT para gravar um novo setor de inicialização e posteriormente FIXMBR;

– Método 3: Utilize o utilitário FIXMBR para reparar o registro de arranque principal do sistema.Para mais detalhes do problema, sua descrição e solução, VEJA DIRETAMENTE SO SITE DA MICROSOFT;

>> Mensagem em tela preta: Erro ao carregar o Sistema Operacional

Solução:

– chkdsk /p /r – Verifique se voltará ao normal. Caso não:

– fixmbr

Caso esse erro aconteça durante a instalação do WINDOWS, verifique esse ARTIGO DA MICROSOFT;

>> Mensagem em tela preta: Falta NTLDR

– chkdsk /p /r – Verifique se voltará ao normal. Caso não;

– fixboot. Caso não funcione, tente essa solução. No console digite:

copy X:\i386\ntldr c:\
copy X:\i386\ntdetect.com c:\
(onde X é o drive de CD)

Mais informações poderá ser obtida no site da Microsoft:

>> Mensagem:Boot.ini inválido:

Solução:

– chkdsk /p /r – Verifique se voltará ao normal. Caso não funciona siga os passos abaixo.

– Abra o Console de Recuperação e digite o comando bootcfg /list. Depois de alguns momentos, as entradas do arquivo boot.ini aparecerão na tela.

– Depois disso digite: bootcfg /rebuild

Após examinar os discos do Windows, o terminal aparecerá instruções para adicionar instalações do Windows ao boot.ini.

– A primeira mensagem será essa:

Total de instalações identificadas do Windows: 1
[1] C:\Windows
Adicionar instalação à lista de inicialização? (Sim/Não/Todos)

Pressione “S” que significa Sim. [*]A próxima mensagem

Insira o identificador de carregamento: Insira o nome do seu sistema operacional que será “Microsoft Windows XP Professional” ou “Microsoft Windows XP Home Edition”.Após isto:

Insira as opções de carregamento do SO: Digite “/fastdetect”

– Digite “exit” para sair do Console e verificar o funcionamento

_____//_____

Como excluir o Console de Recuperação:

Procedimentos:

– Reinicie o computador, clique em Iniciar, em Meu computador e clique duas vezes no disco rígido em que você instalou o Console de recuperação.

– No menu Ferramentas, clique em Opções de pasta e clique na guia Modo de exibição;

– Clique em Mostrar pastas e arquivos ocultos, desmarque a caixa de seleção Ocultar arquivos protegidos do sistema operacional e clique em OK;

– Na pasta raiz, exclua a pasta Cmdcons e o arquivo Cmldr;

– Na pasta raiz, clique com o botão direito do mouse no arquivo Boot.ini e clique em Propriedades;

– Desmarque a caixa de seleção Somente leitura e clique em OK;

Aviso: Modificar o arquivo Boot.ini incorretamente pode impedir que o computador seja reiniciado. Certifique-se de que excluiu apenas a entrada para o Console de recuperação. Além disso, altere o atributo para o arquivo Boot.ini para um estado anterior somente leitura após concluir esse procedimento. Abra o arquivo Boot.ini no Bloco de notas do Microsoft Windows e remova a entrada do Console de recuperação.

Ela se assemelha a: C:\cmdcons\bootsect.dat=”Microsoft Windows Recovery Console” /cmdcons

Salve o arquivo e depois feche-o.

Para maiores consultas:

http://technet.microsoft.com/pt-br/library/cc716447.aspx
http://support.microsoft.com/kb/945380/pt
http://support.microsoft.com/kb/945380/pt

http://support.microsoft.com/kb/326676/pt-br

http://support.microsoft.com/kb/320397/pt-br

http://support.microsoft.com/kb/330184/pt-br

http://support.microsoft.com/kb/307654/pt-br

Fonte: Microsoft e outros

2010 12 10