Barramentos AMR (Audio and Modem Riser) e CNR (Communications and Network Riser)

Barramento AMR

O barramento AMR (Figura logo abaixo) permite que dispositivos com tecnologia HSP (Host Signal Processing) sejam instalados ao micro, especialmente placas de som e modems. Esse tipo de dispositivo não tem nenhum circuito de processamento de sinais, ficando o processador da máquina responsável pelo processamento do circuito. Por exemplo, em um modem HSP, é o processador da máquina, e não o modem, que faz a modulação e demodulação dos dados.

Obviamente dispositivos com tecnologia HSP diminuem o desempenho do micro, já que o processador da máquina terá de ficar controlando o periférico. Entretanto, é uma solução muito barata e a queda de desempenho não é perceptível para usuários comuns que não usam o computador no topo do desempenho (por exemplo, só usam o micro para processamento de textos e acesso à Internet).

Os modems embutidos em placas-mãe destinadas a PCs de baixo custo (modem on-board) utilizam essa tecnologia. Podemos dizer, então, que o slot AMR serve para adicionar um modem ou uma placa de som com a mesma qualidade de um modem ou uma placa de som on-board.

Reiterando,  grande trunfo dos dispositivos AMR é o preço e não o desempenho, já que dispositivos AMR, por utilizarem a tecnologia HSP, diminuem o desempenho do micro.

Detalhe de um slot AMR

 

Barramento CNR

Localização física de Slot do Barramento CNR

O barramento CNR (ver Figura abaixo) é similar ao barramento AMR, com a diferença de também permitir a construção de placas de rede usando esse padrão. Como você pode ver, comparando os slots de barramento, a única diferença física existente entre o barramento AMR e o CNR é a localização deles na placa-mãe. Enquanto o slot AMR é sempre encontrado entre o último slot PCI e o slot AGP, o slot CNR é encontrado na extremidade da placa-mãe.

Detalhe de um slot CNR